Artigos

Compartilhe

Pesquisadores do FGV IBRE pavimentam o caminho para que o país mensure mais e melhor sua produtividade, chave para retomar o crescimento econômico de forma sustentável.

Após a vigência de um quadrimestre do novo governo, é prematura a cobrança de resultados no campo da política de comércio exterior cujas ações requerem um horizonte de mé

Em artigo para o jornal Valor Econômico (O pior quinquênio de nossas vidas, em 26 de março), em coautoria com Aloisio Campelo Jr., chamamos a atenção que no primeiro trim

Pesquisadores do FGV IBRE pavimentam o caminho para que o país mensure mais e melhor sua produtividade, chave para retomar o crescimento econômico de forma sustentável.

The present study analyses the evolution of the output gap in the Brazilian economy and its activities, between 1980 and the real time estimated gap for the second quarte

O primeiro ano do governo foi marcado pelos desencontros da política comercial e da política externa. O que esperar para 2020?

O artigo apresenta os principais argumentos que justificam a liberalização comercial, em especial de bens intermediários e de bens de capital.

A agenda de acordos comerciais do Brasil, como membro do Mercosul, tem avançado como mostra o término das negociações com a União Europeia e o EFTA (Suíça, Noruega, Islân

No dia 28 de junho de 2019, os países do Mercosul e da União Europeia concluíram as negociações para a criação de uma área de livre-comércio entre os dois blocos.