Por que revisar a metodologia de cálculo do resultado estrutural?

Podcast

Share

Por que revisar a metodologia de cálculo do resultado estrutural?

Foram subestimados efeitos cíclicos/transitórios na receita oriundos da composição do PIB e da alta de petróleo/minérios. Isso é um dos fatores do superdimensionamento da alta estrutural da receita da União e entes subnacionais.

A recente polêmica sobre o resultado fiscal estrutural, no qual alguns economistas (entre os quais nos incluímos) questionam as conclusões da Secretaria de Política Econômica (SPE) que estão servindo de justificativa para diferentes desonerações tributárias, mostra a necessidade de uma minuciosa revisão da(s) metodologia(s) empregada(s) para diagnosticar a situação das contas públicas.

Confira na íntegra no Blog do IBRE

See too