IPC-C1

Compartilhe

IPC-C1

A inflação não é a mesma para todas as famílias. Cada uma tem o seu próprio perfil de consumo. As de menor renda dedicam parcelas maiores de seus gastos à alimentação, enquanto que as se situam em extratos superiores despendem frações elevadas de seus orçamentos com educação, saúde e lazer.

As pesquisas de orçamentos familiares (POF) permitem conhecer de maneira pormenorizada as estruturas de consumo de um amplo espectro de unidades domiciliares. Com base nos resultados apurados por este tipo de levantamento é possível segmentar o cálculo da inflação.

A partir dos dados levantados pela última POF da FGV, realizada no biênio 2002/2003, efetuou-se o cálculo do IPC relativo às famílias com renda mensal entre 1 e 2,5 salários mínimos.

A relevância do índice, calculado de forma retroativa a partir de 2004, é detectar afastamentos entre a taxa de inflação medida para o conjunto da população e a referente às famílias de menor poder aquisitivo.

Produtos e Serviços - IPC-C1

Séries Históricas

Os resultados gerais podem ser obtidos gratuitamente no portal do IBRE. Já a consulta detalhada à maior parte das séries históricas ocorre mediante contrato e está restrita aos assinantes do IBRE/FGV Dados. Conheça nossos planos de assinatura e os serviços gratuitos.

Principais usos:

Mede a variação de preços de uma cesta de produtos e serviços para famílias com renda entre 1 e 2,5 salários mínimos.

Abrangência Geográfica:

Rio de Janeiro, São Paulo, Recife e Salvador.

Abrangência Setorial:

Alimentação, Habitação, Vestuário, Saúde e Cuidados Pessoais, Educação, Leitura e Recreação, Transportes e Despesas Diversas.

Período de Coleta:

A coleta ocorre durante todo o mês calendário, sempre nos estabelecimentos comerciais mais procurados pelas famílias.

Periodicidade:

Mensal.

Primeira observação:

2004.