Empresas brasileiras revisam para baixo expectativas para os próximos três meses

Empresas brasileiras revisam para baixo expectativas para os próximos três meses

O Índice de Confiança Empresarial do FGV IBRE de fevereiro aponta empresários menos otimistas. O índice recuou 0,7 ponto em relação a janeiro, para 94 pontos, primeira retração em nove meses. O resultado foi  influenciado especialmente por uma queda no índice que mede as expectativas quanto à evolução da demanda nos próximos três meses, que caiu 3,5 pontos, para 90,3 pontos. As principais quedas nesse quesito foram nos segmentos de comércio e serviços. Na indústria, o resultado ficou estável em relação a janeiro, e construção registrou alta.

Leia o artigo na íntegra no Blog da Conjuntura