Índice de Variação de Aluguéis Residenciais varia 0,10% em outubro

O Índice de Variação de Aluguéis Residenciais (IVAR) varia 0,10% em outubro de 2022, o que representa uma aceleração em relação à taxa mensal de -0,02% registrada no mês anterior. Com o resultado, a taxa acumulada em 12 meses passou de 11,37% em setembro para 11,56% em outubro. 

Entre setembro e outubro, as cidades de São Paulo (de -0,18% para -0,69%) e Rio de Janeiro (de 0,77% para 0,04%) apresentaram recuos na variação do aluguel residencial. Já em Porto Alegre (de -0,37% para 1,10%) e em Belo Horizonte (de 0,26% para 0,86%) apurou-se alta para o IVAR, conforme ilustra o gráfico do release.

As taxas interanuais (outubro 22/outubro 21) aceleraram para as seguintes cidades componentes do IVAR: Porto Alegre (de 8,50% para 10,33%) e Belo Horizonte (15,09% para 15,66%). Já para as cidades de São Paulo (de 11,32% para 10,68%) e Rio de Janeiro (12,57% para 12,07%) as taxas interanuais desaceleram.

O IVAR foi desenvolvido para medir a evolução mensal dos valores de aluguéis residenciais do mercado de imóveis no Brasil. Ver mais sobre a metodologia do índice no box incluído no release.

A próxima divulgação do IVAR ocorrerá em 07 de dezembro de 2022.