Inflação

1201

Esta semana, o IBGE divulgou que a inflação de 2022 fechou em 5,79%, depois de avançar 0,62% em dezembro, acima das estimativas do mercado. A surpresa no último mês do ano aconteceu no grupo de higiene e cuidados pessoais. “Apesar de ser considerado um item supérfluo para muitos, os perfumes, de acordo ao IPCA, comprometem quase 1% da renda das famílias (0,09%). E, em dezembro, registraram uma alta de preços de 9%, perto da metade da variação acumulada até dezembro, de 22%”, conta André Braz, coordenador de Índice de Preços do FGV IBRE, indicando que tal impacto, dado sua curiosa característica, facilmente sairia do radar dos analistas, o que promoveu essa diferença em relação às projeções.

Leia na íntegra no Blog da Conjuntura Econômica.