Press Releases

Compartilhe

Os releases acompanham os dados levantados para cada um de nossos indicadores e sondagens e têm o objetivo de fornecer conteúdo para a confecção da sua matéria.

Confira abaixo a lista de press releases dos nossos índices e sondagens.

IPC-S da primeira quadrissemana de maio de 2022 variou 0,83% e acumula alta de 10,64% nos últimos 12 meses. Todas as sete capitais pesquisadas registraram decréscimo em suas taxas de variação.

Os Barômetros Globais recuaram pelo segundo mês seguido, refletindo um acúmulo de fatores negativos como o conflito entre Rússia e Ucrânia, o surto de covid na China e a escalada inflacionária mundial. O Barômetro coincidente mantém-se abaixo do nível médio histórico de 100 pontos, enquanto o Antecedente se afasta da média, refletindo o aumento do risco de desaceleração mais acentuada em diversos países. 

IPC-S da primeira quadrissemana de maio de 2022 variou 0,83% e acumula alta de 10,64% nos últimos 12 meses.

O Índice de Variação de Aluguéis Residenciais (IVAR) subiu 0,82% em abril de 2022, o que representa uma estabilidade em relação à taxa mensal de 0,81% registrada no mês anterior. Com o resultado, o índice passa a acumular variação de 8,24% em 12 meses, a maior nesta base de comparação desde o início da série histórica, em janeiro de 2019. 

O Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) variou 0,41% em abril, percentual inferior ao apurado no mês anterior, quando variara 2,37%. Com este resultado, o índice acumula alta de 6,44% no ano e 13,53% em 12 meses. Em abril de 2021, o índice havia subido 2,22% e acumulava elevação de 33,46% em 12 meses.

O Indicador Antecedente de Emprego (IAEmp) do FGV IBRE subiu 4,5 pontos em abril, para 79,5 pontos, maior nível desde dezembro do ano passado (81,8 pontos). Essa foi a primeira alta após cinco meses seguidos de queda. Em médias móveis trimestrais, o IAEmp avançou 1,0 ponto, para 76,5 pontos.

Confiança sobe, revertendo tendência de queda iniciada em setembro de 2021

IPC-S da quarta quadrissemana de abril de 2022 variou 1,08% e acumula alta de 10,61% nos últimos 12 meses. Todas as sete capitais pesquisadas registraram decréscimo em suas taxas de variação.

IPC-S da quarta quadrissemana de abril de 2022 variou 1,08% e acumula alta de 10,61% nos últimos 12 meses.

O Índice de Confiança Empresarial (ICE) do FGV IBRE subiu 2,7 pontos em abril, para 94,5 pontos, maior nível desde novembro do ano passado. Na métrica de médias móveis trimestrais, o indicador subiu 1,0 ponto no mês, interrompendo a sequência de seis quedas consecutivas.