Reforma da Previdência avança, mas sozinha não alavanca crescimento

Compartilhe

Após cinco meses de tramitação, a Câmara dos Deputados aprovou em primeiro turno o texto base da reforma da Previdência (PEC 06/2019). A expectativa agora é que a votação em segundo turno ocorra no início de agosto, após o recesso parlamentar. A maior surpresa no primeiro turno foi o expressivo número de votos a favor da reforma (379), bem acima do mínimo necessário para sua aprovação (308), o que tem contribuído para gerar uma nova onda de otimismo com relação à aprovação de outras reformas.