Uma nova rodada de incertezas externas em um ambiente doméstico fragilizado

Compartilhe

Nas últimas semanas, os ativos financeiros brasileiros, e dos emergentes em geral, experimentaram forte valorização: o risco país caiu, o real se valorizou, a Bovespa subiu e os ativos de renda fixa se valorizaram, tanto títulos públicos como corporativos. Não deixa de ser um resultado aparentemente paradoxal, considerando que, nesse período, pelo menos até a semana passada, as incertezas com relação ao cenário internacional se intensificaram.